MILITARES PROCESSAM PRESIDENTE DA CUT COM BASE NA LEI DE SEGURANÇA NACIONAL

AÇÃO CRIMINAL

Os Clubes Naval, Militar e de Aeronáutica, após análise conjunta, apresentaram no Ministério Público Federal, PRR/1ª região (Brasília-DF), protocolo nº 12831/2015, de 19/08/2015, ação criminal contra Vagner Freitas de Moraes, Presidente da Central Única dos Trabalhadores – CUT, em razão de cometimento, em tese, dos crimes previstos nos artigos 18, 22 e 23 da lei nº 7.170/83, por ter proferido discurso no Palácio do Planalto em 13/08/2015, no qual fez afirmações como:
“iremos para a rua entricheirados, de arma na mão, se tentarem derrubar a Presidente Dilma” e “qualquer tentativa de atentado à democracia ou à senhora ou ao Presidente Lula, nós seremos o exército que vai enfrentar essa burguesia na rua”

Coerentes com suas tradições, estaremos atentos ao andamento do processo.(Esta nota está publicada na página do Clube Militar)

convite-facebook