PROMOTORES DE FARROUPILHA SAEM EM DEFESA DA POLÍCIA CIVIL E AFIRMAM: “Delegado tentou salvar a investigação”

As informações foram recolhidos no site da Rádio SpaçoFM de Farroupilha

promotores farroupilha
Claudia Balbinott e Ronaldo Lara Rezende, os Promototes de Justiça que lamentaram o ocorrido na última sexta-feira

A soltura de um suspeito de ser o autor de dois estupros no bairro Santa Catarina revoltou a comunidade de Farroupilha e causou desconforto entre Brigada Militar e Polícia Civil. Nesta segunda-feira, a promotoria de justiça se reuniu com todas as partes envolvidas, entre elas familiares das vítimas, presidente da Associação de Moradores, BM e Delegacia de Polícia. No Fim de Expediente, Dr. Ronaldo Lara Rezende afirmou que a investigação realizada pela Polícia Civil foi atropelada e por água abaixo. Junto da promotora, Drª Claudia Balbinott, disse que a conduta do delegado Thiago Vicentini de Oliveira está sendo questionada, “porque 99% das pessoas não têm conhecimento do que realmente aconteceu”. Por mais de uma vez, ambos defenderam o encaminhamento dado pela Polícia Civil ao caso e disseram não poder trabalhar influenciados por manifestações populares. Já chegando ao fim, Dr. Ronaldo caracterizou o caso como “uma falta de comunicação incrível” e que  “não foi cumprido o determinado em reunião entre as forças de segurança”.(sic)

convite